#GirlPower: Luísa Sonza questiona rótulo machista em conversa com Sabrina Sato

3

Na última segunda-feira (22), Sabrina Sato compartilhou o primeiro vídeo de seu novo quadro no canal do YouTube, chamado ‘The Walk Show’. Para a estreia, a caminhada foi com Luísa Sonza, pelo bairro da Liberdade, em São Paulo.

Durante a gravação da entrevista, a cantora revelou sobre sua opinião dos rótulos, ainda mais os machistas que recebe. “‘Mulher do Whindersson’ foi a coisa que mais me incomodou na vida”, justificou a artista para a apresentadora. Isso porque ela sempre recebe críticas pela exposição de seu trabalho.

“As pessoas apagaram tudo o que eu tinha feito, como se toda a minha carreira de cantora, os 12 anos cantando, sumiu. E não era uma coisa que eu esperava. Foi o momento que tinha que me firmar mais do que nunca, mas foi uma coisa que me motivou muito”

Inclusive, a cantora aproveitou a ocasião para relembrar a sua infância em uma cidadezinha do interior do Rio Grande do Sul, e ainda contou que até hoje não andou de metrô e só foi andar de elevador quando saiu da cidade, uma vez que não existia nenhum onde ela morava.

Confira um pedacinho do que aconteceu na entrevista:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Sabrina Sato ?️+ (@sabrinasato) em