Rainha Elizabeth anuncia que não usará mais roupas de pele de animais

12

Ótima notícia vinda da família real britânica! A rainha Elizabeth II, conhecida por estar sempre muito bem vestida, decidiu que não usará mais roupas feitas com pele de animal.

A notícia foi dada pela estilista da rainha, Angela Kelly, que revelou em seu livro “The Other Side of the Coin” (“O Outro Lado da Moeda”) que a partir de agora a monarca não usará mais peças produzida com pele de animais.

“Se Sua Majestade deve participar de um evento em clima particularmente frio, a partir de 2019 em diante, peles falsas serão usadas para garantir que ela fique aquecida”, escreveu Kelly.

Uma fonte ligada ao Palácio de Buckingham confirmou a informação ao site Bazaar, e esclareceu que a decisão vale apenas para peças produzidas para a rainha a partir de agora, e que isso não significa que ela não usará mais roupas de pele antigas que já estão no seu guarda-roupa.

A pele é um material característico do estilo da família real. Desde os luxuosos casacos e xales usados pela rainha em suas aparições noturnas, até o manto usado nas coroações, que é forrado com pele.

O anúncio vem após o movimento cruelty free (“livre de crueldade”) ganhar força na Europa. A campanha prega o fim do uso de materiais ligados à exploração animal no mundo da moda e da beleza. Marcas como Chanel e Gucci já aderiram à causa e pararam de produzir roupas com peles de animal.