Marina Ruy Barbosa e famosos chegam para velório de Tuka Rocha

Acontece nesta terça-feira (19) em São Paulo, no Cemitério do Morumby, o velório do ex-piloto da Stock Car, Tuka Rocha. Marina Ruy Barbosa e o marido, Alexandre Negrão, chegaram ao local por volta das 10 horas da manhã para prestar sua última homenagem.

O casal era amigo íntimo do piloto, morto no acidente com um jatinho na última quinta-feira (14), em Maraú, no sul da Bahia.

A atriz também era amiga próxima de Maysa Mussi, outra vítima da tragédia. A influenciadora se casou com Eduardo Mussi em setembro, no sul da Bahia, e Marina e Alexandre Negrão foram os padrinhos do enlace.

Eduardo Mussi, que encontra-se em estado grave, deverá ser levado nesta terça-feira (18) para o Hospital Israelita Albert Einstein em são Paulo.

Quem também marcou presença na despedida do piloto foi Rubens Barrichello, que lamentou a perda do amigo. “É difícil. Tem coisas que a gente não entende porque acontecem. Ele foi o cara que me arrumou um patrocinador para eu correr na Fórmula Indy. Ele foi um herói. Nós, pilotos, nos unimos em um grupo de conversas para tentar ter informações sem ficar todos os incomodando os familiares”, disse, acrescentando: “Ele foi muito cedo. A memória que terei dele é de um cara que tinha um grande amor pelas crianças e tinha um sorriso largo, contagiante.”

O acidente – Relembre o caso

O acidente aéreo que ocorreu em Maraú deixou três mortos: a jornalista e relações públicas Marcela Brandão Elias, 37 anos; a irmã dela, Maysa Mussi; além do ex-piloto de Stock Car Tuka Rocha, 36 anos.

A hipótese de pouso antes da pista é a que mais está sendo levada em conta para a causa do acidente, considerando o percurso que o avião fez depois de pousar no Aeródromo Barra Grande. O espaço é homologado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) desde 2013 e não tem restrições atuais para pouso e decolagem.

No vídeo, que tem 1 minuto e 56 segundos de duração, é possível ver as marcas do avião Cessna 550 Aircraft na cabeceira 11 da pista do Aeródromo Barra Grande. Os sinais de incêndio que aparecem na pista indicam que o avião, após tocar o solo, se arrastou e, já pegando fogo, se deslocou até parar no lado esquerdo da pista.