Aniversariante do dia: Relembre os personagens marcantes de Drica Moraes

Drica Moraes completa 51 anos de vida nesta quarta-feira (29). A atriz, que foi batizada como Adriana e começou a estudar teatro aos 13 anos, é reconhecida como Drica no Brasil todo e, com papeis marcantes e atuação versátil, ela dá um show tanto com personagens cômicos, quanto com vilãs marcantes, como Cora (Império) e Violante (Xica da Silva).

Drica teve sua estreia na a TV Globo em 1986, no episódio “O Sequestro de Lauro Corona”, do Teletema e, logo em seguida foi convidada para participar da novela “Top Model”, que estreou três anos depois. Desde então, a atriz já participou de seriados, como Justiça e os Aspones, novelas de época, como O Cravo e a Rosa e Chocolate com Pimenta e ainda vilãs marcantes, como Cora (Império) e Carolina (Verdades Secretas).

A atriz que superou uma leucemia em 2010, contou em entrevistas que viu no filho Mateus, que ainda era uma bebê na época, forças para continuar lutando e, no início de junho, compartilhou um clique com texto emocionante em suas redes sociais. Ao lado de seu doador de medula, Adilson, Drica comemorou sua cura e deixou uma mensagem positiva: “Agora também vai passar. Paciência e fé. Existe afeto e inteligência para além dessa gentalha do mal que insiste em destruir tudo em volta. Esses vírus e anomalias irão passar. E nós sempre estaremos na luta”.

 

View this post on Instagram

 

Há exatos 10 anos este homem me salvou a vida. Em 23 de junho de 2010 eu estava na corda bamba e graças à sua doação de medula estou aqui hoje. Obrigada Adilson! @adilsonr123, te devo minha vida, irmão. Pudemos nos conhecer somente 5 anos após o procedimento. Não sabíamos quem éramos antes deste encontro. Hoje nos falamos quase que diariamente. Estou toda arrepiada. Obrigada também à meus médicos @nelsonhamer e Wolmar Pulcceri, sem vocês… nada…Há 10 anos vivi durante um ano em isolamento total sem ver o dia, sem poder tocar nem ser tocada, de máscara, catéter, tudo o que nos afasta da vida, do toque , da troca com o outro. Dores, angústias e incertezas. Hoje vejo a humanidade num isolamento muito parecido. Coisa louca. Toda arrepiada. Que bom que passou. Mas custou muito caro. Agora também vai passar. Paciência e fé. Existe afeto e inteligência para além dessa gentalha do mal que insiste em destruir tudo de bom que há em volta. Esses vírus e anomalias irão passar. E nós sempre estaremos na luta.

A post shared by Drica Moraes (@oficialdricamoraes) on

Confira na galeria acima alguns dos trabalhos que marcaram a carreira da atriz!