Mensagem que circula no WhatsApp com medidas do Governo Federal traz informações antigas

Circula pelas redes sociais um texto que traria medidas adotadas pelo Governo Federal nos últimos dias. O conteúdo ainda pontua que a imprensa não teria noticiado as medidas por haver um “pacto silencioso na grande imprensa para desconstruir a reputação do ‘novo governo’”.  

“O Presidente assinou o decreto 9.723/19 que simplifica a apresentação de documentos em processos federais. A partir de agora, ninguém precisa mais ir ao banco, cartório, ou qualquer outra agência, levando um carrinho de mão – cheio de papéis… basta o CPF!”, afirma o texto que circulou de forma massiva no WhatsApp. 

(Reprodução/WhatsApp).
(Reprodução/WhatsApp).

A informação em si é verídica, entretanto, o conteúdo não é atual, como o boato sugere, mas sim de alguns meses atrás. O decreto 9.723/19 tem como objeto a simplificação do atendimento prestado nas instituições públicas e institui o CPF como único documento necessário para o cumprimento de obrigações oficiais e solicitação de benefícios sociais. Entretanto, a regra foi publicada em março do ano passado, com a retificação no dia 18 daquele mesmo mês. 

++ É falso que ator Miguel Falabella morreu de Covid-19

A mensagem do texto que circula na web ainda ressalta que “na quinta feira o Presidente assinou decreto que extingue 21.000 cargos comissionados, funções e gratificações na esfera federal, gerando economia de 195 milhões de reais anuais ao Tesouro, dando um golpe certeiro na prática de aparelhamento do governo”. 

A informação é verídica, embora não seja atual. O decreto em questão, o 9.725/19, estipula a extinção de 21 mil cargos comissionados, funções e gratificações na estrutura do Governo Federal entre abril e julho do ano passado. 

A mensagem ainda salienta que “o índice Bovespa subiu e atingiu nível recorde de 99 mil pontos pela “primeira” vez em sua história!”. A informação é verídica, mas não é recente.  O índice Ibovespa atingiu 99 mil pontos pela primeira vez em 11 de março do ano passado, mas a bolsa fechou em um patamar mais baixo. Já em 15 de março, o índice fechou em 99 mil pontos. Somente em 19 de junho de 2019, a Bolsa de São Paulo fechou com o índice Ibovespa acima de 100 pontos como refere a notícia em questão. 

O texto ainda pontua que a imprensa nacional não teria dado a verdadeira importância a notícia e tornado os pontos elencados como manchetes por fazerem parte de uma “pauta proibida”, porém, diversos veículos noticiaram alguns dos pontos citados pela mensagem que circulou no WhatsApp. Assim, o conteúdo noticioso é verdadeiro, mas não é recente.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.