Ator de ”Drake e Josh” nega crime, após problemas na Justiça por enviar mensagens a menor

Dois meses após ser condenado por crimes contra menor de idade, o ator e cantor Drake Bell, 35 anos, decidiu gravar um vídeo para fornecer explicações aos fãs sobre o caso e desmentir outros rumores que envolvem o seu nome. O artista, que é conhecido pela sitcom infanto-juvenil ‘Drake e Josh’, publicou o registro no seu Instagram na noite desta última quinta-feira (16).

++ Confira quais séries e filmes serão lançados nesta semana!

Drake Bell desmente fake news em suas redes sociais

Ele inicia o vídeo contradizendo os relatos recentes de que ele teria mudado o seu nome legalmente para “Drake Campana” e passado a viver no México: ”A maioria das notícias que vocês têm ouvido ultimamente é totalmente falsa e errada.“, afirmou a princípio o americano na publicação, que tem pouco menos de três minutos.

A postagem também foi legendada em espanhol. ”Sinto que vocês merecem – e que devo a vocês – uma explicação. Não mudei meu nome. Eu adoraria fazer isso, mas nunca me mudei para o México; nunca fui residente ou cidadão mexicano. Não tenho passaporte mexicano. Não fui preso, não fui para a cadeia.”.

Confira vídeo completo:

Drake destacou que essas afirmações sobre a suposta relação dele com o México foram provadas como falsas pelo estado de Ohio após uma investigação de três anos: “Se essas alegações fossem remotamente verdadeiras, minha situação seria muito diferente. Eu não estaria aqui em casa com minha esposa e meu filho. Mas, dito isso, não sou perfeito, e eu cometo erros.“, apontou ele, que é casado com Janet Von Schmeling ​desde 2018.

++ Saiba quais são as 10 séries mais polêmicas

Problemas com a Justiça

O artista, então, abordou sua condenação recente na Justiça americana por ter enviado mensagens explicitamente se**ais a uma garota quando ela ainda era menor de idade. Drake disse aos fãs que ele não sabia a idade da fã quando começou a se comunicar com ela pela Internet e defendeu que parou de falar com a menina quando descobriu que ela era uma adolescente: “Essa pessoa continuou a vir aos shows e a pagar por ‘meet and greets’, enquanto eu não sabia que era a mesma pessoa com quem eu estava me comunicando online, e é disso que me declaro culpado.“, afirmou o cantor e ator. “Foram mensagens de texto imprudentes e irresponsáveis. Quero deixar claro que não havia imagens se**ais e nada físico entre mim e essa pessoa.“, declarou ainda.

Drake encerrou o vídeo pedindo aos fãs para que não acreditem em todos os relatos que veem na mídia e nas redes sociais sem fazerem uma apuração antes.

Saiba mais detalhes

No último mês de julho, após ter se declarado culpado de ter se engajado em conversas de cunho se**al com uma menor de idade, Drake Bell foi condenado a dois anos de liberdade condicional supervisionada e 200 horas de serviço comunitário.

++ Após polêmica do Porsche, Justiça nega pensão de R$ 100 mil para as filhas de Gugu Liberato

Em uma audiência virtual realizada em junho, a vítima – que hoje tem 19 anos – alegou que o artista se aproveitava dela desde que ela tinha 12 anos, e apontou que ele passou a lhe enviar mensagens explicitamente se**ais (incluindo fotos íntimas) quando ela completou 15 anos. A jovem afirmou ainda que, certa vez, o artista a chamou para os bastidores de um show para que eles pudessem “ficar a sós“.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.