Após denunciar Nego do Borel, Duda Reis quer abrir instituto de apoio a mulheres

Nessa última quarta-feira (1º), Duda Reis, de 20 anos, afirmou que irá abrir uma instituição voltada para mulheres que são vítimas de agressões e violência doméstica. A ideia surgiu depois do episódio em que a mesma acusou o cantor Nego do Borel, 29, de maus tratos e registrou um boletim de ocorrência sobre os abusos que, segundo ela, sofreu. O relacionamento entre os dois terminou em dezembro de 2020.

++ Gui Araujo fala sobre relação com Duda Reis e detona: “Ingrata”

Projeto é terá objetivo de ajudar mulheres a denunciar seus agressores

Em entrevista ao quadro “Cartas Para Pepita”, da mulher Pepita, dessa última quarta, a influenciadora digital disse que a ideia é auxiliar mulheres que passam por situações semelhantes e não têm coragem de falar ou até mesmo denunciar.

Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Pepita (@pepita)

++ Duda Reis relembra época em que sofreu de anorexia: “Cheguei a pesar 43 kg”

A influenciadora disse que o projeto está sendo estruturado e disponibilizará apoio jurídico as vítimas: “Desde que eu denunciei, eu recebo mensagens todos os dias de diversas mulheres. É muito real ainda. Tem muita gente que acha que é pela criação, por ser, de fato, uma coisa estrutural, que acha que é bobeira, ‘mimimi’, que é invenção… Não é!“, afirmou a atriz na Internet.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.