BBB22: Pedro Scooby defende Natália após desentendimento com Eliezer: “Teve motivos”

Na madrugada desta terça-feira (12), os ânimos estavam exaltados na casa do “Big Brother Brasil 22” após a dinâmica do Jogo da Discórdia da última segunda-feira (11). Eliezer, que é o líder da semana, se irritou com Natália, que o colocou no monstro ao invés de Jessilane, e Pedro Scooby tentou defender a sister.

++ BBB22: Linn desabafa sobre amizade com Natália e Jessilane: “Somos muito diferentes”

Em conversa com Gustavo Marsengo, Pedro disse que entende o motivo pelo qual Natália escolheu Eli ao invés de Jessilane para o castigo extra do monstro, já que as duas ainda estavam abaladas pela saída de Linn da Quebrada no último domingo (10).

++ Ex-BBB Lucas Bissoli rebate críticas sobre condição financeira e mensalidade de R$6 mil na faculdade

Scooby entendeu os motivos de Natália

“Depois eu fiquei pensado… É errado e tal, mas eu entendi o pensamento da Nat. É compreensível, teve motivos”, disse o surfista. Gustavo concordou, acrescentando que a mágoa de Eli foi potencializa porque, em uma formação de paredão, Natália não salvou Eli. “Menos de uma semana depois ela bota no Monstro. Ele vai pensar que não está valendo nada mesmo”, ponderou o brother que entrou pela Casa de Vidro.

Sccoby logo rebateu: “Não estou defendendo, mas o moleque até então nunca tinha comprado a bronca de estar com ela e agora quer cobrar?”. Gustavo concordou com o ponto de Scooby. “Comprou quando precisou. Ela falou que não ia votar em mim e votou. Para salvar ele”, acrescentou.

Scooby tentou falar com Eliezer

“Tem uma parada que eu não tenho que me meter, mas vou te falar… Você soube o que aconteceu antes do ‘ao vivo’? O que estava acontecendo é que elas choraram juntas”, tentou explicar Pedro Scooby, já que Eliezer não queria conversar com Natália. “Mas não explica a parada…”, rebateu o líder da semana.

Scooby concordou, mas continuou tentando explicar o lado de Natália: “Eu sei, mas estou falando assim… Estou tentando entender a cabeça dela, o motivo dela ter feito isso, entendeu? Só estou te falando assim… Não tenho nada a ver com isso”. Na sequência, o surfista acrescentou: “Eu só estou falando que pode ter sido até errado e tal, mas não foi uma coisa sem motivo nenhum. Eu vi o quanto a Jessi estava abalada, a Jessi chorou com ela…”.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.