Bolsonaro nega haver internação de crianças na UTI por conta da Covid; dados desmentem

Nessa última segunda-feira (20), Jair Bolsonaro (PL) afirmou que não ouve casos de internação de crianças em UTI pela Covid-19. A declaração do presidente, no entanto, não corresponde com à realidade, pois existem dados que o desmentem.

++ Tiago Leifert afirma que anularia o voto entre Lula e Bolsonaro

Bolsonaro nega que tenha internação de crianças na UTI pela Covid

Em mais um ataque às medidas protetivas contra a pandemia, recomendadas pelos cientistas, o governante disse que não haveria problemas em retornar o ritmo das aulas normais, como antes: “Para a garotada do Ensino Fundamental, se dependesse de mim teríamos aula. Não tivemos notícia, ao longo da pandemia, de necessidade de UTI para criança acometida de Covid.“, declarou.

A fala do presidente veio em meio ao evento de solenidade alusiva à Política Nacional para Recuperação das Aprendizagens na Educação Básica e à celebração de acordo com o Google para a concessão de ferramentas tecnológicas de forma gratuita. O chefe de estado ainda declarou que mexer com a educação no Brasil “é como manobrar um transatlântico“.

++ Bolsonaro rebate Anitta sobre conversa com Leonardo DiCaprio

Dados mostram que internações de crianças e adolescentes aumentaram

Segundo uma matéria do “Estadão” só em janeiro, por exemplo, quando foi o pico de transmissão da variante ômicron, as internações de crianças e adolescentes em leitos de UTI por conta do Coronavírus no Estado de São Paulo aumentaram em 61,3%.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.