Manu Gavassi lamenta não ter sido indicada ao Grammy Latino: “Frustração”

Em entrevista ao “Um Milkshake Chamado Wanda”, nesta semana, Manu Gavassi abriu o coração para falar sobre o seu projeto Gracinha e a falta de reconhecimento ao trabalho dela e de sua equipe. Manu também falou sobre não ter sido indicada ao Grammy Latino e que muita gente a achou egocêntrica em se frustar pela não indicação.

“A minha frustração foi que era uma categoria muito específica para projetos audiovisuais na música. E não foi só eu que coloquei isso na minha cabeça sozinha, tipo: ‘a Manu é uma grande louca que achou que poderia concorrer’. Toda a minha gravadora vestiu a camisa, existia uma expectativa muito geral, de todo mundo que trabalhou nesse projeto, de todo mundo que colocou essa sementinha na minha cabeça, de gente muito grande por trás que tem experiência com o Grammy“, explicou.

Manu contou, ainda, que o seu projeto foi realizado com muito trabalho e por isso sentiu que poderia ser indicada. “Todo mundo falou, cara, é uma categoria relativamente nova e não se fazem muitos álbuns audiovisuais. Então, por isso, a gente achou que era um projeto tão grande, a gente passou tanto tempo se dedicando, seria muito legal se ele concorrer à uma coisa grande dessa”, complementou.

“Justificando minha frustração, foi porque eu coloquei uma expectativa nesse projeto que a gente fez com um suor, com profissionais brasileiros, uma coisa tão grande e difícil de ter sido feita. Merecia, nessa categoria específica, ter uma luzinha ali. Foi só isso“, finalizou.