Cintia Dicker revela que filha com Pedro Scooby nasceu com má-formação congênita

151

Cintia Dicker abriu seu coração e falou pela primeira vez sobre a doença que acometeu Aurora, fruto de sua relação com Pedro Scooby. Em entrevista a Vogue, a modelo revelou que a pequena, que enfrentou uma cirurgia logo depois do nascimento, foi diagnosticada com gastrosquise, uma má formação gastrointestinal congênita.

“Não conhecíamos essa condição e tive muito medo por não saber como seria a cirurgia e também a recuperação dela. Fiquei procurando respostas na internet – algo que não aconselho porque só me assustava mais”, revelou.

++ Luciana Gimenez revela estar tendo pesadelos com acidente: “Tem sido muito dolorido”

Segundo Cintia, a condição foi descoberta  quando ela ainda estava com 12 semanas de gestação. Desde que souberam que a bebê necessitaria passar pela cirurgia, o casal optou por permanecer no Brasil para seguir tendo acompanhamento da equipe médica que estava com eles desde o início da gravidez.

A modelo revela que ficava com um turbilhão de perguntas em sua cabeça, mas se esforçava para não passar nenhuma emoção a filha. A cirurgia de Aurora foi muito bem sucedida e durou cerca de 30 minutos.

++ Lexa se pronuncia após língua de Guimê viralizar na web: “É babado real”

Logo depois, ela já pode se reencontrar com a pequena. “E assim correram os dias mais intensos e dolorosos da minha vida. Vendo-a na incubadora, indo embora sem ela, mas ao mesmo tempo sentindo uma gratidão enorme por toda a equipe que estava cuidando tão bem do meu bebê”, lembrou.

Atualmente, elas já receberam alta e seguem em casa.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.