PT apresenta projeto para anular impeachment de Dilma; entenda

334

O PT apresentou nesta segunda-feira (28) ao Congresso Nacional um projeto de resolução pedindo para anular as decisões que foram tomadas em relação ao impeachment da presidente Dilma Roussef, que ocorreu em 2016.

++Grávida, MC Mirella leva susto ao cair de carro e explica detalhes da situação

De acordo com informações da CNN Brasil, um documento pede que o senado e as sessões da câmara derrubem as decisões do impeachment da ex-presidente do Brasil. Na época, quem ocupou o cargo na república até 1º de janeiro de 2019 foi Michel Temer.

Em relação a anulação do impeachment, O PT afirma que não quer a retomada do cargo ocupado por Dilma, mas uma “reparação histórica” pelo o que aconteceu.

++Miley Cyrus desabafa sobre saúde mental e problemas que enfrentou devido ao sucesso

“Por óbvio, não se poderá retornar ao passado e reconstituir um mandato já violentado pelo estratagema político e pelo tempo. Todavia, torna-se um dever do Congresso Nacional, compromissado com a memória nacional e não apegado aos seus eventuais erros, promover reparação histórica quanto à retirada furtiva e desarrazoada do mandato presidencial de Dilma Vana Rousseff”, diz o documento.

Lula fala sobre o pedido para anular o impeachment de Dilma

Em viagem à Angola, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva havia dito que gostaria de fazer algo que fosse uma forma de justiça a ex-presidente. Fontes do congresso acreditam que seja difícil a resolução proposta pelo PT, mesmo após a reforma ministerial, pois o governo não teria uma maioria para realizar um “revisionismo”.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.