Angélica conta quando começou a ser ver como uma pessoa feminista

110

Nesta quarta-feria (13) a apresentadora de televisão Angélica, revelou quando começou a ser entender como uma pessoa feminista. Em entrevista para “Quem”, a artista explicou que o nascimento da sua filha Eva mudou a maneira que ela enxergava o mundo das mulheres.

++Jojo Todynho admite ter mágoa do ex-marido, Lucas Souza: “Doeu

“Eu acho que passei a me considerar feminista depois que a minha filha nasceu, porque comecei a vê-la. Ter essa energia feminina dentro de casa é diferente. E comecei a ver o quanto queria um mundo mais asfaltado para ela. As coisas que passei, que vivi, não quero que ela viva. Como é que faço isso? E aí acho que a Mina (seu novo projeto) também veio muito disso, desse meu desejo de ter um mundo mais igualitário para as mulheres”, disse ela.

Ainda no bate-papo, Angélica contou que se sente uma pessoa muito mais segura do que quando tinha 20 anos. A apresentadora está prestes a completar 50 anos de idade, e ressaltou ter aceitado a sua nova idade:

++Rafa Kalimann termina namoro com empresário após seis meses; confira detalhes

“É um aprendizado longo, tenho muito que aprender ainda, estou aí nessa busca, mas acho que estou feliz nos meus 50. Tanto que nem chegou ainda, mas já me considero com 50 (risos). Às vezes, me perguntam: ‘quantos anos você tem? E eu falo: 50’. Já super comprei a idade. Acho legal (risos)”, declarou. Angélica é uma das comunicadoras mais importantes do país e está sempre chamando atenção nas redes sociais.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.