Onda de calor no Brasil pode trazer riscos ao corpo; saiba como evitar

89

A semana começou no Brasil com uma forte onda de calor nos estados do país. Um bloqueio atmosférico impede a chegada de frentes frias comuns para a época do inverno e causado temperaturas acima dos 40º C em diversas regiões, como Centro-Oeste de Sudeste.

++Ex-marido de Ariana Grande vai receber fortuna da cantora após divórcio, diz site

As temperaturas extremas podem causar sérios problemas de saúde para as pessoas. De acordo com o G1, o calor pode desenvolver quadros de hipotermia e insolação, que podem causar a morte, principalmente em pessoas mais vulneráveis como crianças e idosos.

Em entrevista à jornalista Natuza Nery, a médica Mayara Floss explicou o que pode ser feito para diminuir os efeitos das altas temperaturas, além de chamar atenção para a falta de políticas públicas na adaptação às mudanças climáticas.

++Jojo Todynho passa mal após cirurgia bariátrica e explica a situação: “Luta”

“Regiões, por exemplo , de favela, regiões que tem poucas árvores – onde tem vastas monoculturas… Esses fatores demográficos colocam essas populações em risco”, disse Mayara.

A médica ainda disse que levar uma troca de roupa mais leve para usar em transportes públicos e colocar uma garrafa de água gelada para resfriar áreas de dobras do corpo podem ajudar nos dias de calor. Outra dica é deixar a casa mais ventilada durante o período noturno e mais fechada durante o dia.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.