Neymar nega ter pedido saída de Jorge Jesus do Al-Hilal: “É muita falta de respeito”

125

Neymar Jr. utilizou suas redes sociais para negar os boatos de que teria pedido a demissão de Jorge Jesus do Al-Hilal, clube saudita onde está atuando. A polêmica surgiu após uma reportagem do jornal ‘Sport’, da Espanha, que afirmava que o jogador teria recomendado a saída do treinador aos dirigentes do clube árabe.

++  Sandy, Beyoncé: Veja cantores que começaram a carreira em um grupo musical

No Instagram, Neymar se manifestou, condenando a disseminação de notícias falsas e pedindo respeito. Em sua postagem, ele escreveu: “Mentira… vocês têm que parar de ficar acreditando nessas coisas, páginas como essa… com milhões de seguidores não podem ficar postando fake news! Com todo respeito do mundo, eu peço para que pare com isso. É muita falta de respeito.”

++ Gretchen rebate seguidor que tirou sarro de partes íntimas de Esdras

A controvérsia em torno da situação de Jorge Jesus no Al-Hilal ganhou força após o treinador ser vaiado pelos torcedores do clube no último jogo contra o Damac, pelo Campeonato Saudita. A imprensa internacional já havia repercutido a pressão sobre o técnico, sugerindo que seu cargo estaria em risco devido à busca por melhores resultados.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.