Gustavo Mioto nega que tenha terminado namoro com Ana Castela por ciúmes ou traição

163

Gustavo Mioto utilizou uma entrevista no Vênus Podcast para esclarecer as circunstâncias que levaram ao fim de seu relacionamento com Ana Castela. Ao contrário de especulações sobre ciúmes ou traição, o cantor sertanejo revelou que o término foi resultado de um “baque” causado pelo conflito de agendas dos dois.

++ Luísa Sonza, Jojo Todynho: Veja famosos que tiveram ‘relações relâmpagos’

Durante a conversa, Mioto enfatizou que não houve brigas ou discussões que culminaram no término do namoro. Ele explicou que as agendas atribuladas de ambos tornaram difícil a comunicação por telefone, o que contribuiu para o desfecho da relação. “Infelizmente, a gente tem agendas difíceis e não dá pra conversar pelo telefone. Não teve brigas, não teve discussões. Nunca tive nada, nunca tive problema com ninguém”, assegurou Gustavo Mioto.

O artista também fez questão de negar a suposta “explosão de ciúmes” e enfatizou sua confiança no caráter de Ana Castela. “Não existe a chance de eu ter explosão de ciúmes. Se tem uma coisa que não desconfio é do caráter da Ana Flávia, nunca duvidei. Então nunca poderia ter ciúmes, pois sei do caráter dela. Incrível, mulher maravilhosa, batalhadora”, elogiou.

++  O que rolou? Viih Tube revela que não é mais amiga de Rodrigo Mussi

Gustavo Mioto enfatizou que o término de um relacionamento é sempre um momento delicado, mas destacou a importância de encerrar ciclos que, por mais que se pensasse que seriam duradouros, às vezes chegam ao fim. “Términos são difíceis, eu sei, mas a gente tem que encerrar ciclos que a gente pensava que seriam maiores, mas às vezes acontece. Não teve nada a ver com infidelidade, agressividades”, declarou.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.