Rússia diz que estabelecerá laços estreitos com a Coreia do Norte; entenda

40

Nesta quinta-feira (26), a Rússia afirmou que pretende estabelecer laços estreitos com Coreia do Norte em “todas as áreas”, após a Coreia do Sul, Japão e Estados Unidos se mostrarem contra o que chamaram de fornecimento de armas de Pyongyang para Moscou.

++Luísa Sonza se irrita ao ouvir Chico durante show e ‘dá bronca’ em plateia

Dmitry Peskov, porta voz do Kremlin, falou sobre a acusação dos três países: “Há muitos relatos desse tipo, todos eles são infundados como regra, não há detalhes específicos. Esses relatos já existem há muito tempo. Não vemos sentido em comentar sobre isso”.

“A Coreia do Norte é nossa vizinha e continuamos e continuaremos a desenvolver relações estreitas em todas as áreas”, completou ele. Sobre a pressão envolvendo entrega de armas, Peskov afirmou: “Não fazemos comentários sobre isso de forma alguma”.

++Em desabafo, Paris Hilton diz que está com o ‘coração partido’ após comentários ofensivos sobre o filho

Em setembro, o presidente Vladmir Putin e o líder norte-coreano Kim Jong Un, realizam uma cúpula na Rússia. Na ocasião, ambos discutiram sobre a guerra na Ucrânia e a possível ajuda russa para o programa de satélites na Coreia do Norte. Os Estados Unidos mostram preocupação com a possibilidade de Kim fornecer armas ao país europeu.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.