Luana Piovani ironiza após ser proibida na justiça de falar do ex, Pedro Scooby

83

Luana Piovani disse que o Tribunal de Justiça de Cascais, em Portugal, a proibiu de falar do ex-marido, Pedro Scooby. O surfista e influenciador moveu um processo contra a atriz para proibi-la de criticá-lo nas redes sociais em relação à criação dos filhos.

++Gabriela Pugliesi diz que maternidade a livra da culpa de ser improdutiva

Piovani contou que a sentença foi favorável ao ex e que ela não poderá mais falar sobre ele. “Como eu fui considerada culpada, tem multas penduradinhas por eu falar do genitor, uma vez que eu não posso mais falar sobre o genitor na internet”, disse ela.

“Não posso queimar o filme dele, como se eu precisasse queimar o filme dele, né?”, disparou Luana Piovani, que ironizou a situação: “Ele faz coisas tão geniais, é só a gente ‘dar um Google’ para a gente ver as coisas maravilhosas que tem a respeito dele na internet, não é mesmo? Inclusive com seus amigos parças e tudo e tal”.

++Eliezer desabafa sobre distorção de imagem após reverter harmonização facial

“Um sortudo que eu coloquei na luz, que por isso hoje ostente carros milionários na garagem, está através da lei querendo me calar. Isso porque, todas as vezes que falei, falei das faltas dele, mas também já o elogiei muito quando mereceu”, detonou a atriz na época.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.