Índice que mede preços dos apartamentos sobe mais de 50% em 5 anos, segundo pesquisa

15

O índice de preços médios de apartamentos brasileiros cresceu mais de 50% nos últimos cinco anos, indicou um novo levantamento feito pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC).

++ Corpus Christi é feriado em mais da metade das capitais brasileiras

De acordo com a pesquisa, o índice de preços ficou em 171,9 pontos no trimestre encerrado em março deste ano – uma alta de 54,4% em relação aos primeiros três meses de 2019, quando era 111,35 pontos. O indicador reflete a variação de preços dos apartamentos ao longo do trimestre.

A saber, o estudo só considera apartamentos e leva em consideração uma análise feita em 220 cidades brasileiras.

Com isso, o número também representa um avanço de 12% em comparação ao primeiro trimestre do ano passado, quando estava em 153,46 pontos.

++ Chuva coloca cidade de São Paulo em alerta para alagamentos

O movimento, segundo representantes da CBIC, do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação ou Administração de Imóveis Residenciais ou Comerciais de São Paulo (Secovi-SP) e da Brain Inteligência Estratégica, reflete dois fatores principais:

o aumento de custos de construção visto no mercado ao longo da pandemia; e

a queda dos estoques de apartamentos disponíveis.

Além disso, segundo o levantamento da CBIC, por exemplo, o lançamento de apartamentos residenciais totalizou 56.355 unidades no primeiro trimestre deste ano, uma redução de 9,6% em comparação a igual período do ano passado. A oferta final, na mesma base de comparação, registrou uma queda de 12,2%, para 272.708 unidades.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.