Saiba mais sobre meningite, doença que levou ao caso grave da cantora Paulinha

 

Alegre, vaidosa e simpática. É assim que a vemos nos palcos, com a sua voz contagiante. Paulinha, a querida vocalista da banda, foi internada no último dia 13 e segue em estado delicado.

No primeiro instante, a assessoria da cantora confirmou a internação por problemas renais. Porém, na última quinta-feira, 17, uma nova confirmação se deu sobre o seu estado de saúde: Paulinha está com Meningite.

++ Bell Oliver vibra com notícia de melhora de Paulinha Abelha: “Graças a Deus”

Com 43 anos de idade, a cantora mora em Aracaju, Sergipe, mas foi em São Paulo que passou mal durante a turnê – retornando para a sua cidade e sendo, rapidamente, internada em um hospital particular em Aracaju.

Logo, ao circular que Paulinha estava na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), fãs da cantora indagaram sobre o real motivo da artista estar nesta ala, já que pacientes com problemas renais e que já estão em tratamento de diálise, não precisam ficar internados na UTI – destinado para este setor hospitalar, geralmente, os casos mais graves.

Na noite da mesma quinta-feira, os médicos que acompanham Paulinha confirmaram a bactéria no cérebro, originada pela Meningite e definiram a transferência dela para outro hospital particular em Aracaju.

++ Bell Oliver desmente notícia de morte cerebral de Paulinha Abelha

Em comunicado, o Hospital Primavera, onde Paulinha se encontra internada, disse na última sexta-feira, 18, que cantora segue respirando com a ajuda de aparelhos.

“O hospital Primavera, informa que a paciente Paula de Menezes Nascimento Leca Viana, foi admitida nesse hospital no dia de ontem, 17 de fevereiro, em unidade de terapia intensiva devido quadro de coma em investigação. No momento, encontra-se clinicamente estável, quadro infeccioso controlado e respirando suporte de aparelhos”, relata a nota.

++ SOS Petrópolis: Descubra os valores das maiores doações dos artistas frente à catástrofes no Brasil

O que é meningite?

A meningite é uma inflamação das meninges recobrindo o cérebro, afeta, consequentemente, toda a região e limita o transporte de oxigênio às células do corpo.

Essa inflamação acontece quando o vírus ou bactéria rompe os sistemas de defesa do corpo humano e atingem rapidamente as meninges. Vários agentes infecciosos causam a meningite, porém, os casos contaminados por vírus são menos graves.

Os casos decorrentes de bactérias ou de fungos são consideravelmente mais perigosos, com taxa de 20% de mortalidade. Além disso, pacientes curados, em grande parte, sofrem sequelas como surdez, paralisia ou, até mesmo, amputação de membros.

A meningococo – principal agente transmissível nesta categoria bacteriana – se dá por meio de secreções respiratórias ou de saliva em contato com um infectado. Contudo, a meningite bacteriana tem menos chance de contaminar em comparação com a gripe.

O tratamento varia com o tipo de micro-organismo que desencadeou a meningite e, sobretudo, do estado do paciente.

Principais sintomas de meningite

  • Febre
  • Dor de cabeça
  • Rigidez do pescoço
  • Mal-estar
  • Náusea
  • Vômito
  • Sensibilidade à luz
  • Confusão mental
  • Manchas vermelhas na pele (em alguns casos)

Os médicos orientam que, ao sentir os sintomas descritos, é mais do que necessário procurar um médico para o diagnóstico e tratamento. O diagnóstico no início da fase da doença, tende a melhor coincidir com o tratamento.

No caso da cantora Paulinha, o tratamento se dá com remédios sendo injetados na veia, com todo o auxílio médico e análises constantes. A maioria dos casos evoluem para a cura quando tratados, desde o início, devidamente e corretamente.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook , no Twitter e também no Instagram para mais notícias do PaiPee.