Sabrina Sato revela trauma de conversar assuntos íntimos com homens: “Não fico à vontade”

277

Em participação no ‘Papo de Segunda Verão’, do GNT, nesta última segunda-feira (02), Sabrina Sato abriu o coração sobre um trauma antigo que possui. A apresentadora revelou que não consegue se abrir com homens.

++ Mel Maia revela que ficou presa em alto mar com amigos: “Todo mundo achou que ia morrer”

“Fui uma mulh3r que trabalhou a vida inteira com homens, fazendo piadas, mas tem uma camada minha que só me abro com mulh3res. Estou trabalhando isso na análise. Talvez por algum trauma, coisa que passei”, contou Sabrina.

++ Luana Piovani expõe prints de conversa com Pedro Scooby: “Miserável e ingrato”

A apresentadora levou o assunto com leveza: “É como se eu fosse quase homoafetiva. Tem uma camada minha que não deixa os homens chegarem, perceberem. Parece que só as mulh3res conseguem ver um lado meu que é tão interessante”.

Sabrina acredita que, por ter sido muito objetificada, se abre mais com mulh3res e homens gays. “Tenho uma timidez e não fico à vontade para conversar com Porchat, por exemplo, como fico com vocês [mulh3res]. Assunto s3xual, não. É mais emocional, mais profundo que isso, muito íntimo mesmo. Não sei se alguns homens sentem isso que eu sinto,” desabafou.

Conteúdo de fact-checking do PaiPee.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.