Coreia do Norte simula ataque nuclear contra o Sul em resposta aos EUA

106

A Coreia do Norte simulou um ataque nuclear contra a Coreia do Sul, de acordo com informações da mídia norte-coreana, divulgadas na última quinta-feira (31). A simulação aconteceu em protesto aos exercícios militares dos Estados Unidos, que foram liderados na região Sul.

++Governo define salário mínimo no orçamento de 2024; saiba qual o reajuste

Pyongyang, capital da Coreia do Norte, informou que dois misseis balísticos de curto alcance foram lançados, ontem, em direção ao mar. O lançamento ocorreu horas depois do EUA começar mais um dia de exercícios com a ajuda de caças japoneses e sul-coreanos.

A mídia local detalhou a situação tensa entre os dois países: “O exercício [norte-coreano] busca enviar uma mensagem clara aos inimigos, que responderam aos repetidos avisos da Coreia do Norte com ameaças militares (…) e fazê-los perceber, claramente, mais uma vez, a vontade punitiva resoluta e as capacidades substantivas de retaliação da Coreia do Norte”.

++PT apresenta projeto para anular impeachment de Dilma; entenda

Coreia do Norte se prepara para possível guerra

De acordo com a KCNA, a mídia estatal da Coreia do Norte, o líder do país Kim Jong-un participou de testes no centro de comando de Pyongyang. O país asiático se prepara para uma possível guerra com armas nucleares com o objeto de ocupar o território inimigo.

A Coreia do Sul, por sua vez, preparou uma reunião de emergência. Kim tem intensificado suas críticas com as manifestações militares do lado Sul.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.