7 dicas valiosas para economizar dinheiro no dia a dia

Economizar pode ser ótimo, de forma que você tenha recursos para enfrentar períodos mais difíceis ou tenha conforto no futuro. (Foto: Pixabay)

Economizar dinheiro e conseguir ter um ‘extra’ no final do mês está entre as metas de muitos brasileiros. Pode até não ser uma tarefa fácil, especialmente em tempos de pandemia da Covid-19, mas algumas mudanças na rotina já geram um resultado imediato.

++ 10 dicas para proteger o seu dinheiro durante a crise

Com organização, atenção e responsabilidade, você consegue mudar alguns hábitos e economizar um dinheirinho. Já pensou em trocar o delivery por uma comida diferente feita com a família? Ou usar um cupom de desconto na hora das compras?

Confira abaixo 7 importantes dicas que vão te ajudar a economiczar dinheiro para seu futuro.

1. Saiba bem o nível de sua renda familiar
Este volume de dinheiro corresponde à soma dos rendimentos que todos da família recebem. Saber qual é a renda da família vai ser importante para que se estabeleça um limite de gastos a cada mês, o qual nunca poderá ser maior do que essa estimativa.

2. Anote tudo em que gasta seus recursos
Há pelo menos duas razões importantes para fazer isso. A primeira, é que você será capaz de notar se está gastando mais do que recebe. Ou seja, você vai entender se está ou não respeitando uma das mais relevantes regras financeiras: o dinheiro que entra no seu orçamento sempre deve ser maior do que sai. Outro ponto é que você poderá observar bem as despesas do mês, separando-as por tipos e contas.

3. Corte ou diminua as despesas desnecessárias
Já que você tem tudo anotado e vai perceber todos os seus gastos e obrigações, vai conseguir identificar onde há despesas de forma excessiva ou pouco necessária. Corte ou diminua aquelas que não forem fazer tanta falta. Analise com cuidado com sua família para ver o que pode ser reduzido.

4. Guarde uma reserva de capital
Uma coisa muito importante para ser feita é guardar parte do dinheiro recebido em uma renda fixa, a fim de ter recursos no futuro, nas ocasiões de emergência ou necessidade. Ter dinheiro guardado pode ser útil no caso de perder um emprego ou de doença na família, por exemplo. Ser precavido é algo que pode valer ouro!

5. Analise bem as formas de pagamento
Muitos produtos e serviços são oferecidos com desconto para os pagamentos à vista. Tente utilizar o pagamento em espécie sempre que puder, pois isso ajuda a entender com precisão o quanto está sendo gasto, controlando melhor as contas. Se for realmente necessário dividir as compras com seus cartões de crédito, nunca se esqueça de considerar as parcelas vindouras nos orçamentos dos outros meses.

6. Use um programa financeiro online
Cada vez mais é possível usar a tecnologia para melhorar a vida cotidiana. Com um software voltado para as finanças, você poderá controlar todos os fluxos que seu dinheiro faz, vendo onde mais gasta e estabelecendo limites mensais de consumo.

7. Mude os hábitos em família
Tão importante quanto você passar a dar atenção a todos esses aspectos é que sua família também o acompanhe nos novos hábitos. Converse e ensine questões financeiras aos filhos e ao seu cônjuge, leia assuntos com eles e planeje sonhos em comum como forma de recompensa. Pode-se comprar algum novo eletrodoméstico ou fazer uma viagem, por exemplo.