Butantan recebe 3 mil litros de insumos para retomar a produção da CoronaVac

O Instituto Butantan recebeu, na tarde desta terça-feira (25), um novo lote com mais 3 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) para a fabricação da vacina contra a Covid-19 CoronaVac. A matéria-prima produzirá 5 milhões de doses do imunizante, desenvolvido pelo instituto em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac.

+ Mayra desmente Pazuello e diz que Tratcov não foi hackeado: “Foi uma extração indevida de dados”

Segundo comunicado do governo do estado de São Paulo, a carga partiu de Pequim (China) e foi recepcionada pelo governador de São Paulo, João Doria, pelo secretário da saúde, Jean Gorinchteyn e pelo presidente do Butantan, Dimas Covas.

O processo de envase, rotulagem, embalagem e controle de qualidade da matéria-prima para a entrega ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) deve levar de 15 a 20 dias.

A produção da CoronaVac havia sido suspensa no dia 14 de maio por falta de IFA. Segundo o presidente do Butantan, o envio dos recursos pode ter sido prejudicado por questões referentes à relação diplomática entre o Brasil e a China.