PF abre inquérito para investigar ataque hacker ao perfil de Janja no Twitter

124

A Polícia Federal (PF) abriu um inquérito, na tarde desta terça-feira (12), para investigar a invasão ao perfil da primeira dama na rede social X (antigo Twitter). O ataque hacker aconteceu na noite da última segunda-feira (11).

++Em meio a briga com a família Camargo, Graciele Lacerda rebate julgamentos com reflexão curiosa

No perfil de Janja, foi compartilhado conteúdos ofensivos, xingamentos e material p0rn0gr4f1co. Mesmo que o inquérito tenha sido aberto somente hoje, a polícia informou que começaria a investigação assim que os ataques começaram.

De acordo com apuração realizada pela CNN Brasil, a investigação ficará a cargo da Diretoria de Crimes Cibernéticos (DCiber). Além disso, o inquérito será atrelado a investigação de outros casos de ataques contra cerca de dez mulheres integrantes do governo federal e parlamento.

++Alfonso Herrera se irrita com perguntas sobre o RBD e dá resposta inusitada

Assim como a PF, a Advocacia-Geral da União (AGU) notificou a rede social X na noite de ontem. Por meio de uma notificação extrajudicial, foi pedido o congelamento da conta @JanjaLula para identificar todos os registros digitais relativos ao perfil.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook , no Twitter e também  no Instagram para mais notícias do PaiPee.