Look de Meghan Markle para o 1º dia na África do Sul já está esgotado

Meghan Marke, príncipe Harry e o bebê, Archie, estão passando alguns dias na África do Sul, conhecendo o povo, alguns projetos sociais e dando depoimentos importantes e empoderados para a população.

Nesta segunda-feira (23), os Duques de Sussex visitaram a township Nyanga, um vilarejo próximo à Cidade do Cabo. Lá, Meghan fez um importante discurso e falou sobre suas origens como mulher negra, além de dançar e sorrir MUITO em todos os cliques.

Meghan, que costuma eleger produções com algum significado especial para cada ocasião, usou um vestido da marca sustentável Mayamiko, que fabrica tecidos no Malawi e produz as peças em oficinas de costura locais.

Batizada de Dalitso Maxi Wrap, a peça estampada traz na etiqueta uma espécie de QR code, que pode ser escaneado a fim que o comprador saiba quem é que fez aquelas roupas. De comprimento mídi, o vestido-envelope conta com mangas curtas levemente soltas e um laço na cintura, e custava algo em torno dos 90 dólares (aproximadamente 375 reais).

Após ser visto em Meghan, o modelo se esgotou no site oficial da marca, que traz outros modelitos similares à venda. Meghan, que passou o dia com os cabelos presos em um rabo de cavalo, bem descontraído, combinou o vestido com espadrilles pretas da Castañer e pouquíssimos acessórios. Mais cedo, ela também foi vista usando as mesmas espadrilles, dessa vez combinadas a um vestido-camisa, na mesma proposta acinturada, mas em um tom azul-céu.